INGRESSOS ESGOTADOS

3º LOTE

Meia-entrada: estudantes, idosos, PCD, professores das redes estaduais e municipais de SP e aposentados.
Ingresso Social: doação de um livro em bom estado, confira os livros permitidos aqui.

Condições de pagamento

O valor pode ser parcelado em até 6 vezes e compras a partir de R$ 1.000,00 podem ser parceladas em até 10 vezes sem juros no cartão de crédito.

Tim Bradstreet

Quadrinista

QUANDO: 05, 06, 07 e 08 DEZ
QUANDO: 05, 06, 07 e 08 DEZ
Onde: Artists' Alley | Mesa F23-24

Digamos que o ilustrador e designer Tim Bradstreet esteve um pouco ocupado realizando seus sonhos depois que se formou no colégio. Os jogos de RPG foram sua primeira grande incursão no mercado de cultura pop. De 1986 a 1990, Tim cresceu rapidamente no meio, começando nos trabalhos mais simples ao topo da indústria até realizar seus primeiros trabalhos com fotorrealismo em ilustrações para grandes franquias de RPG de mesa, como “Shadowrun”, da FASA, e “Vampiro: A Máscara”, da White Wolf Games. Seu trabalho em “Vampiro: A Máscara” levou o artista a trabalhar na indústria de quadrinhos, em projetos ao lado de Timothy Truman, Clive Barker e Andrew Vachss, que abriram o caminho para que Bradstreet se estabelecesse como um artista especializado em artes para capas. Ao trabalhar nas franquias “Hellblazer”, da Vertigo/DC Comics, e “O Justiceiro”, da Marvel Comics, o artista colaborou durante anos criando capas para diversas edições de ambas as sagas.  Isto levou Bradstreet a conquistar um portfólio de trabalho admirável, o que ajudou a impulsioná-lo a atuar na indústria cinematográfica algum tempo depois. Em 2000, na produção do terceiro longa do diretor Guillermo del Toro, “Blade II”, Tim foi responsável pelo design visual dos vampiros que fariam parte da “Blood Pack”, sociedade de vampiros que decide se aliar a Blade em sua luta para salvar humanos e vampiros, e vários outros vampiros que aparecem no filme. Em 2004, produziu 6 pôsteres para o filme “O Justiceiro”, da Lion's Gate Films, estrelando Thomas Jane. Bradstreet e Jane chegaram a se encontrar anos depois, chegando a se unirem para criar a RAW Studios ao lado de Steve Niles. Juntos, eles criaram a série de quadrinhos “Bad Planet”. Em 2006, Tim foi contratado para criar a capa do décimo quarto disco do Iron Maiden, “A Matter of Life and Death”, que foi outro sonho realizado para o artista. Em 2007, Bradstreet e Thomas Jane dedicaram-se à estreia de Jane como diretor com o lançamento do longa de terror independente “Dark Country”, no qual Jane também atuou. Bradstreet foi designer de produção e artista responsável pelas artes conceituais da obra, além de lidar com as imagens utilizadas na divulgação do filme. Nos últimos anos, Tim decidiu concentrar-se em sua carreira como artista especializado em capas, chegando a produzir artes para grandes sagas, como “Star Trek”, “Hellraiser”, “Jennifer Blood”, “O Sombra”, “Pestilência” e sua série atual, “Tales of Science Fiction”, de John Carpenter. Além de seu trabalho no mercado de quadrinhos, Bradstreet ainda produz ilustrações para diversos filmes e séries de TV. Dentre as mais famosas dos últimos anos, estão “The Walking Dead”, “The Expanse” e “Creepshow”. O artista recomenda que seus fãs procurem sua recente coleção de artbooks e fiquem atentos para o lançamento de seu novo projeto em 2020. Tim mora em San Diego, na Califórnia, com sua esposa Missy e sua filha, Lydia (e, às vezes, alguns convidados).